Pular para o conteúdo

28 de agosto de 2016

Hola muchachos, se llama Quintiliano!

por marcelopomar

            O Mestre Internacional Renato Quintiliano – natural de Osasco (SP) e um dos expoentes da nova geração de mestres do xadrez brasileiro – teve uma passagem por Buenos Aires no mês de agosto de 2016 digna de registro histórico. Jogou dois magistrais – torneios fechados a participação de mestres, válidos para obtenção normas internacionais – e obteve duas normas de Grande Mestre, vencendo o primeiro evento, e ficando em terceiro no segundo. Como se não bastasse, tornou-se campeão continental de xadrez relâmpago, garantindo vaga para o Mundial de Blitz 2016, em dezembro, no Qatar.

quinti-yago-buenos

Quintiliano e Yago (ao fundo), viagem de sucesso à Buenos Aires

           A primeira competição foi o Magistral Gráfica de Yael, no tradicional Clube Torre Blanca, sob os auspícios do experimentado GM argentino Ariel Sorin. Foi um torneio duro, que contou com um segundo brasileiro na lista, outro MI da nova geração, o pernambucano Yago Santiago, que também conseguiu norma de GM no torneio, sua terceira. Para Yago, só falta agora chegar aos 2500 de elo FIDE para assegurar de maneira definitiva o título máximo do xadrez. Quintiliano e Yago fizeram dobradinha no pódio, e também nas normas. Algo extraordinário, em se contando que haviam três GM’s na lista(Rodriguez, Hungarsky e Sorin), e vários novos talentos do xadrez argentino entre os aspirantes às normas, como Perez, Iermito e Paveto.

quinti-yago-normas

Quinti e Yago, torneio memorável no Torre Blanca

             Já no segundo evento, o Magistral de La República Argentina Copa Mercusul, as coisas não correram tão bem, para Yago. Quintiliano continuo com chances de normas até a última rodada, mas precisava vencer de brancas outro MI que lutava em chances iguais pela norma, o argentino Sebastian Iermito. Deu certo, e numa luta encarniçada numa Benoni, Quintiliano aproveitou melhor as oportunidades convertendo o ponto e alcançando a segunda norma.

quinti2-buenos

GM Rodriguez x MI Quintiliano 

           Por fim, mas não menos importante, Quintiliano se somou a uma legião de brasileiros que invadiu as terras portenhas para tomar parte no Continental de Rápidas e Blitz, organizado pelo uruguaio GM Andrés Rodruiguez em terras argentinas. O torneio foi um sucesso, e conseguiu reunir nomes expressivos do xadrez latino, como Diego Flores, Sandro Mareco, Alan Pichot, e o atual campeão brasileiro Krikor Mekhtarian. No entanto, apesar dos 11 GM’s da lista, o título de “pingueiro” das Américas e do garoto de Osasco! Com 10,5/13, e um Sprint final de 6 vitórias seguidas, Quintiliano alcançou sozinho a pontuação e será o representante oficial do continente americano no Mundial de Blitz, em Doha, no Quatar, de a partir de 25 de dezembro. Passará Natal e Ano novo longe de casa, por um excelente motivo. Destaque também para a medalha de bronze de Krikor Mekhitarian, garantindo dobradinha brazuca no pódio dos hermanos.

quinti-discurso-continental

Discurso de campeão. À direita Diego Flores segura seu troféu continental de rápidas

                 No Continental de Rápidas, vencido por Diego Flores (ARG), os brasileiros não foram bem. A melhor colocação foi o sétimo lugar de Krikor, e a segunda o décimo-segundo de Quintiliano. Interessantes as performances do MI Pablo Salinas Herreira do Chile, que conquistou o vice-campeonato nos dois ritmos de jogo, e o MN Ivan Gonçalves Mesquita, que apesar de ser o número 50 da lista inicial, jogou o torneio de blitz todo por cima, enfrentando nada menos que um pelotão de 7 GM’s e fazendo 4,5! Terminou com a 15º e 91 pontos de rating.

flores-yago-contin-rpai

GM Diego Flores (ARG) x MI Yago Santiago, no continental de rápidas

Pra coroar o agosto dos sonhos de Quintilano, ele recebeu convite da Confederação Brasileira de Xadrez para assumir a vaga de técnico da equipe feminina que representará o Brasil na Olimpíada de Xadrez, em Bakú, no Azerbaijão, a partir de setembro. Dá-lhe!

quinti-conti-rapidas

MI Quintiliano x GM Hungasky (USA)

Pra encerrar, vale a pena ler o relato do próprio Renatinho Quintiliano sobre sua fantástica experiência, com links para as partidas e resultados! A luta pelo novo GM brasileiro segue acirrada, e Renato certamente é um dos fortes candidatos! 

quinti-osasco

Enfim, foram 19 dias de muito xadrez em Buenos Aires, e felizmente, quase todos de vitórias e resultados incríveis. Voltar para casa com duas normas de GM, o título de Campeão Continental Blitz 2016 e uma vaga para o mundial blitz no Qatar em dezembro foi um resultado tão inesperado e maravilhoso que não tenho palavras para descrever, mas gostaria de falar um pouco sobre os torneios em si:

O primeiro torneio, o Magistral de GM Gráfica Yael – Torre Blanca 2016, foi praticamente perfeito do início ao fim. Comecei com 3/3 e fazendo partidas interessantes, mas nas partidas seguintes cometi algumas falhas e tive que resistir em posições desfavoráveis, como contra o GM Rodriguez e o MI Iermito, mas consegui lutar bem e segurar as partidas. Com vitórias na sexta e sétima rodada, em partidas onde não joguei da melhor forma técnica, mas criei problemas pros meus adversários principalmente no apuro de tempo, a norma ficou realmente próxima, e foi concretizada com um empate na oitava rodada. Esse torneio teve um significado especial porque além da minha primeira norma de GM, o MI Yago Santiago alcançou sua terceira e última norma, e é sempre melhor poder comemorar com um amigo 🙂

Classificação final do Magistral Yael – Torre Blanca : 
http://chess-results.com/tnr228464.aspx…

Minhas partidas : 
http://www.viewchess.com/cbreader/2016/8/16/Game4480390.html

Logo após o primeiro magistral, veio o XX Magistral de La República Argentina Copa Mercosur, que representava um grande desafio pra mim, pois era o torneio mais forte que já joguei, com 5 grandes mestres e eu figurando como o penúltimo rating da lista inicial. Após fazer um bom torneio no Torre Blanca, comecei jogando uma partida fraca contra o GM Slipak, que me dominou posicionalmente e não deu nenhuma chance, vencendo facilmente. Foi um início um pouco inesperado, mas tentei focar partida a partida sem me preocupar muito com isso, e no dia seguinte voltei pro torneio fazendo 1,5/2 na rodada dupla, vencendo uma boa partida contra o talentoso GM Alan Pichot e empatando com o MI Pablo Salinas, que também viria a fazer norma nesse torneio. Depois de algumas rodadas difíceis, porém sempre tentando focar nas partidas em si e sem pensar muito no torneio, consegui manter as chances de norma até a última rodada, contra o MI Iermito, numa situação onde ambos precisavam ganhar para norma. Jogando de brancas, tive a felicidade de fazer uma boa partida e assim conquistar minha segunda norma 🙂 sem dúvida um torneio que sempre lembrarei!

Classificação final da Copa Mercosur : 
http://chess-results.com/tnr233212.aspx…

Minhas partidas :
http://www.viewchess.com/cbreader/2016/8/16/Game5993343.html

Então veio a parte final da viagem, os Continentais Rápido e Blitz, e eu mal imaginava o que ainda estava por vir! Terminei o primeiro dia do Rápido jogando um xadrez razoável, com 4,5/6, e feliz por rever vários amigos. Mas no dia seguinte veio o blitz, onde inesperadamente consegui o maior título da minha carreira, de Campeão Continental Blitz! Às vezes as coisas dão certo, às vezes elas dão muito certo, e às vezes tudo sai incrivelmente certo 😀 no dia seguinte, não consegui manter o mesmo nível nas 5 rodadas restantes do rápido, e terminei em 12º, mas posso dizer que esses torneios fecharam com chave de ouro uma viagem maravilhosa e cheia de momentos inesquecíveis. Gostaria também de parabenizar a organização de todos os torneios que joguei, pelas excelentes condições de jogo e o esforço incansável em possibilitar aos MI’s oportunidades de jogar por normas de GM.

Classificação final do Continental Blitz :
http://chess-results.com/tnr229050.aspx…

A partida decisiva, da última rodada : 
http://www.viewchess.com/cbreader/2016/8/16/Game8690734.html

Classificação final do Continental Rápido, vencido pelo Campeão Argentino, o GM Diego Flores :
http://chess-results.com/tnr229049.aspx…

Mesmo com tantos resultados bons, o caminho ainda é longo, ainda que agora pareça um pouco menos, e o trabalho não pode parar nunca! :)”

quinti-naka

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Observação: HTML é permitido. Seu endereço de e-mail nunca será publicado.

Assinar os comentários

%d blogueiros gostam disto: